Pular para o conteúdo principal

As 10 fotografias mais famosas da história do cinema


 

As 10 fotografias mais famosas da história do cinema

 
Carlos Willian Leite
 
Para se chegar ao resultado — como na publicações anteriores sobre fotografias icônicas —, fizemos uma compilação de reportagens publicadas por jornais, revistas e sites especializados em cinema, listas e fotografia. O objetivo da pesquisa era identificar quais eram as 10 imagens mais emblemáticas da história do cinema.
Participaram do levantamento as publicações: "Flavorwire", "IMDb", "Cahiers du Cinéma", "Empire", "Der Spiegel", "Life", "What Culture", "The Guardian", "Listal", "The British Film Institute", "Der Spiegel", "BuzzFeed", "American Film Institute", "AllMovie", "Yahoo Movies" e "Telegraph".
Discutível como qualquer lista de melhores ou maiores, esta também não pretende ser abrangente. Sabe-se que, como a percepção, a opinião — que foi a base da pesquisa —, é algo individual. No entanto, as 10 fotografias selecionadas, se não são unanimidades entre as publicações pesquisadas (e possivelmente não serão entre os leitores e cinéfilos), são referências seminais de alguns dos momentos mais emblemáticos da história do cinema.
Eis, em ordem classificatória, as 10 fotografias selecionadas baseadas nas publicações pesquisadas.
 O Poderoso Chefão
Marlon Brando, em cena de "O Poderoso Chefão", dirigido por Francis Ford Coppola em 1972 e baseado no livro homônimo de Mario Puzo. Em 1998, o American Film Institute o elegeu como o melhor filme de gângster de todos os tempos e o segundo melhor filme da história. Também faz parte da lista de melhores filmes do The British Film Institute. "O Poderoso Chefão" foi indicado a dez Oscars e venceu nas categorias de Melhor Filme, Melhor Roteiro Adaptado e Melhor Ator.

Psicose

Janet Leigh, em cena de "Psicose", dirigido por Alfred Hitchcock em 1960 e baseado no romance homônimo de Robert Bloch. O filme foi eleito o 18º melhor de todos os tempos pelo American Film Institute, e 35º pelo The British Film Institute. Em 1959, Hitchcock comprou anonimamente os direitos do livro e todas as cópias disponíveis no mercado para que ninguém o lesse e seu final não fosse revelado.

E.T. — O Extraterrestre

Cena do filme "E.T. — O Extraterrestre", dirigido por Steven Spielberg em 1982. É considerado um dos maiores sucessos de bilheteria de toda a história do cinema, sendo o primeiro filme a ultrapassar a marca 700 milhões de dólares.

O Pecado Mora ao Lado

Marilyn Monroe, em cena de "O Pecado Mora ao Lado", dirigido por Billy Wilder em 1952 e baseado na peça teatral de George Axelrod. A cena em que o vestido de Marilyn é levantado na rua pelo respiradouro do metrô tornou-se um ícone da cinematografia mundial. O vestido usado na cena foi leiloado em Junho de 2011 por 5,6 milhões de dólares.

Taxi Driver

Robert de Niro, em cena de "Taxi Driver", dirigido por Martin Scorsese em 1976. "Taxi Driver" foi indicado a quatro Oscars, incluindo Melhor Filme e Melhor Ator. Venceu a Palma de Ouro no Festival de Cannes. Foi considerado "culturalmente, historicamente ou esteticamente significante" pela Biblioteca do Congresso dos EUA e selecionado para ser preservado no National Film Registry.

O Iluminado

Jack Nicholson, em cena de "O Iluminado", dirigido por Stanley Kubrick em 1980 e baseado no livro homônimo de Stephen King. É considerado, ao lado de "2001: Uma Odisseia no Espaço" e "Laranja Mecânica", um dos filmes mais populares de Stanley Kubrick.

Cantando na Chuva

Gene Kelly, em cena de "Cantando na Chuva", dirigido por Stanley Donen e Gene Kelly em 1952. O filme ocupa a primeira posição na lista do American Film Institute sobre os Maiores Musicais de todos os tempos.

Forrest Gump: O Contador de Histórias

Tom Hanks, em cena de "Forrest Gump: o Contador de Histórias", dirigido por Robert Zemeckis em 1994 com Tom Hanks no papel-título e baseado no romance homônimo de Winston Groom. Forrest Gump foi indicado a 13 Oscars, o filme ganhou em seis categorias, incluindo Melhor Filme, Melhor Diretor e Melhor Ator.

Pulp Fiction — Tempo de Violência

John Travolta e Uma Thurman, em cena de "Pulp Fiction — Tempo de Violência", dirigido por Quentin Tarantino em 1994, baseado num argumento escrito pelo roteirista canadense Roger Avary. "Pulp Fiction" foi indicado a sete Oscars, incluindo Melhor Filme. Ganhou na categoria de Melhor Roteiro Original. Também venceu a Palma de Ouro no Festival de Cannes de 1994.

Tempos Modernos

Cena de "Tempos Modernos", dirigido pelo cineasta britânico Charles Chaplin em 1936. Foi o último filme em que Chaplin interpreta seu clássico personagem, Carlitos. O filme foi censurado em países como a Alemanha por suas citações ao comunismo e a social-democracia. Também foi duramente repreendido pela sociedade americana por sua crítica à Revolução Industrial.
 

Postagens mais visitadas deste blog

Brinquedos pedagógicos reciclados para maternal e berçário

Link direto:
http://www.pragentemiuda.org/2015/07/brinquedos-pedagogicos-reciclados-para-bercario.html
Brinquedos pedagógicos reciclados para berçárioVou postar mais algumas dicas para trabalhar com reciclagem de materiais, esta para os professores de maternal e berçário. Esta dica é para fazer seus próprios brinquedos pedagógicos, usando material que você tem em casa. A sugestão aqui proposta tem o objetivo de fortalecer mãos e pulsos, explorar os níveis de habilidades motoras finas e grossas, a concentração, curiosidade de causa e efeito, entre outros benefícios. Dica daqui.
Eu amei esta dica acima, feita com latinha de leite e palitos de picolé pintados. Pra fazer basta encapara a latinha com papel. Depois corte fendas na tampa, para encaixar os palitos. Pinte os palitos com tintas coloridas. A ideia do brinquedo é que o bebê retire e empurre as fitas observando suas habilidades.
Vamos ver outras sugestões? Todas usando latinhas de leite em ninho, toddy, nesca…

"MONÓLOGO DAS MÃOS" ..... Giuseppe Ghiaroni

"Feliz aquele que transfere o que sabe, e aprende o que ensina."
de Cora Coralina

"MONÓLOGO DAS MÃOS" 

Giuseppe Ghiaroni 

Para que servem as mãos? 
 As mãos servem para pedir, prometer, chamar, conceder, ameaçar, suplicar, exigir, acariciar, recusar, interrogar, admirar, confessar, calcular, comandar, injuriar, incitar, teimar, encorajar, acusar, condenar, absolver, perdoar, desprezar, desafiar, aplaudir, reger, benzer, humilhar, reconciliar, exaltar, construir, trabalhar, escrever...... 

As mãos de Maria Antonieta, ao receber o beijo de Mirabeau, salvou o trono da França e apagou a auréola do famoso revolucionário; Múcio Cévola queimou a mão que, por engano não matou Porcena; foi com as mãos que Jesus amparou Madalena; com as mãos David agitou a funda que matou Golias; as mãos dos Césares romanos decidiam a sorte dos gladiadores vencidos na arena; Pilatos lavou as mãos para limpar a consciência; os anti-semitas marcavam a porta dos jude…

Cities After World War III

Apocalypse now: Russian artist transforms real-life photographs to show how cities might look after the end of the world 

By Suzzanah Hills
Last updated at 11:29 PM on 5th March 2012
You could be forgiven for thinking that these incredible images are simply scene grabs from a computer game or film depicting some imaginary and non-existent world.
But these pictures are actually photographs of modern-day cities around the globe that have been manipulated by Russian artist Vladimir Manyuhin.
Manyuhin starts with original snapshots and then adds digital decay and overgrowth to depict what well-known places on earth would look like after an apocalypse. This image from Russian artist Vladimir Manyuhin's Life after the Apocalypse is reminiscent of scenes from the 2007 film I am Legend By night: The same scene of a deserted city - minus some lions - with the sun slowly setting in the background Underground: Manyuhin has transformed a picture of a tube line in to a scene of destructio…